2 comentários:

  1. Boa tarde!

    Vimos por este meio apresentar o documentário " Fragmentos de Mindelo"

    http://fragmentosdemindelo.blogspot.pt/

    desde já agradecemos.
    Fragmentos.

    ResponderEliminar
  2. Primeiro Anuário do Património Cultural Português

    Portugal vai ter o primeiro Anuário do Património. A obra é lançada no próximo dia 10 de Abril, pelas 19 horas, na sede da Ordem dos Arquitetos (Travessa do Carvalho, 23, em Lisboa).
    O Anuário integra um diretório dos agentes do sector, em que são disponibilizadas informações sobre serviços, projeto, fiscalização, consultoria, produtos, equipamentos, centros de investigação ou formação. Além do diretório, a publicação inclui vários artigos técnico-científicos: intervenções de reabilitação e de restauro tão emblemáticas como o restauro da Torre da Universidade de Coimbra, o Viaduto Duarte Pacheco, a Custódia de Belém ou a Casa-Museu José Régio são alguns exemplos que constam do Anuário do Património.
    A obra tem como objetivo promover a qualidade na reabilitação do edificado e a excelência na conservação do Património cultural imóvel, reunindo informação de qualidade sobre estes segmentos de atividade e dando a conhecer as melhores práticas, ideias e projetos.
    A obra surge da necessidade de reforçar o conhecimento e a interação entre os diferentes intervenientes desta área, já que existe um número elevado de agentes, empresas, profissionais e decisores com atividade.
    O Anuário do Património é uma iniciativa conjunta do GECoRPA – Grémio do Património e da editora Canto Redondo, estando a sua apresentação a cargo do Presidente da Ordem dos Arquitetos, João Belo Rodeia. A encerrar a sessão, e como convidado de honra, está confirmada a presença do Dr. Elísio Summavielle, Diretor Geral do Património.

    Sobre GECoRPA – Grémio do Património:
    Associação sem fins lucrativos, o GECoRPA celebra, em 2012, quinze anos.
    Tem como associados empresas e profissionais que exercem atividade na reabilitação do edificado e da conservação do Património, agregando também outras entidades, públicas ou privadas, e cidadãos interessados. São objetivos do Grémio do Património promover a qualidade na reabilitação do edificado e da infraestrutura, a valorização dos centros históricos e das aldeias tradicionais. A associação defende a reabilitação como alternativa à construção nova e promove a qualidade das intervenções de reabilitação através da divulgação das boas práticas e da formação especializada, com vista ao aumento da qualificação dos recursos humanos. O Grémio do Património procura contribuir para a melhoria do ordenamento e da regulação do sector da construção e para a mudança do seu papel na economia e na sociedade.
    www.gecorpa.pt

    Sobre Canto Redondo:
    Empresa vocacionada para a conceção, edição e produção de publicações relacionadas com a Cultura e Património. A produção gráfica e editorial, a consultoria e gestão cultural e a produção audiovisual são as áreas centrais da empresa.
    O Anuário do Património 2012 é um projeto de relevo para a empresa e de inquestionável valor nacional, onde as características Canto Redondo se materializam.
    Na área da gestão cultural e patrimonial, o Canto Redondo conta com uma rede de consultores tecnicamente exigente e com eles constrói uma base de conhecimento que procura atualizar permanentemente, reconhecendo tendências, equacionando estratégias e ideias, reunindo uma experiência consistente, contextual e de ação nas áreas onde opera.
    www.cantoredondo.eu

    ResponderEliminar